Críticas Filmes

Crítica| Uma família feliz

Uma animação que consegue unir todos os públicos com mensagem importante sobre união da família.A produção alemã inspirada no livro “Happy Family” do autor David Safier, tinha tudo para cair no marasmo de uma premissa meio sem pé e cabeça e até meio chata para quem ler apenas a sinopse, pois, conta a história de Emma, a mãe da família Wishbone, que tenta de alguma forma salva a união da sua família e planeja uma noite de diversão fora de casa. Mas a confusão começa quando, inesperadamente, uma bruxa os transforma em monstros.

Entretanto, o filme traz personagens, que apesar de clichês, como a mãe super cuidadosa, a filha adolescente rebelde, o filho caçula inteligente e o pai viciado em trabalho, traz certas identidades que acabam sendo engraçadas ao longo da película, trazendo momentos divertidos para quem está assistindo.

A personagem principal da animação, Emma, ganha voz aqui no Brasil pela atriz Juliana Paes que apesar de não ser uma dubladora profissional e relatar o quão é difícil o trabalho de dublar, não deixou nada em falta, caindo como uma luva para sua personagem.

O que também vale ressaltar é a movimentação dos personagens, que não é nada monótono e mal feito, a animação em si é muito personagens, que e bonita para os espectadores que ganham também das cenas uma paleta de cores extremamente legal e que se casam perfeitamente com o cenário e os personagens.

Além de, trazer referencias bem inteligentes de filmes de terror, como ‘‘A múmia” e a música do Drácula logo no inicio da animação.

Enfim, apesar de uma premissa meio sem lógica e estereótipos de personagens já vistos em milhares de filmes, a animação Uma Família Feliz consegue cumprir com a sua proposta, é um filme infantil mas que também serve para o público adulto pois traz uma mensagem muito importante e que precisa ser relembrada diversas vezes.

O filme tem data para estreia nos cinemas dia 17 de agosto.

Camila Cabral
Estudante de Jornalismo, apaixonada por tudo que envolve o misticismo, cinema e música.