Filmes Notícias

Diretor de Esquadrão Suicida deixa a direção do remake de Scarface

David Ayer é o terceiro diretor a abandonar o filme

 

David Ayer, diretor de grandes filmes como Esquadrão Suicida e Corações de Ferro deixa as negociações da segunda refilmagem de Scarface. O motivo seria a agenda do diretor, que está atualmente produzindo Bright ao lado da Netflix, porém fontes ligadas a Hollywood Reporter acreditam que a saída do diretor se deve ao roteiro soar “muito obscuro” para a Universal Pictures, o estúdio de produção responsável pelo filme.

Anteriormente, nomes como Pablo Larraín (Jackie) e Antonie Fuqua (Sete Homens e um Destino) foram cotados para a direção do longa , porém houve desistências por motivos de diferenças criativas e conflitos de agenda assim como Ayer.

Scarface teve sua versão original lançada em 1932 e outra em 1983 e conta a história dos altos e baixos do mafioso Tony Montana. Nesta nova versão o filme será ambientado em Los Angeles, protagonizado pelo Diego Luna (Rogue One: Uma História Star Wars), com a produção de Dylan Clark e Martin Bregman, roteiro de Paul Attanasio e Jonathan Herman.

Mesmo com estes conflitos, Scarface ainda planeja seu lançamento para agosto de 2018.